Os Templários em Almourol

A presença templária no Castelo de Almourol, fortaleza reconstruída por Gualdim Pais, mestre da Ordem dos Templários, em 1171.
À época da Reconquista integrava a chamada Linha do Tejo, constituindo um dos exemplos mais representativos da arquitectura militar da época, evocando simultaneamente os primórdios do reino de Portugal e a Ordem dos Templários, associação que lhe reforça a aura de mistério e romantismo.
O monumento é o ex-libris do Concelho de Vila Nova da Barquinha.
Cercado pelas águas do rio Tejo, destaca-se num maciço granítico de uma ilhota do Tejo, entre Vila Nova da Barquinha e a Praia do Ribatejo.
A singular localização do Castelo torna-o um dos mais bonitos monumentos do país, tendo sido considerado Monumento Nacional em 1910.
Foi um dos 21 finalistas da eleição das 7 Maravilhas de Portugal.

Free Joomla templates by L.THEME